BOA VENTURA DE SÃO ROQUE  

Edson Hoffmann comemora conquistas em 20 meses de gestão

Gestor destaca que recursos adquiridos são históricos. Ao todo, são mais de R$ 4,3 milhões dos governos do Estado e Federal, com contrapartida em mais de R$ 1,4 milhão do município

“Temos muita obras iniciadas, mas tenho comigo que a maior obra de um município é aquela que está concluída e este será o nosso desafio nos próximos meses”, diz Edson Hoffmann (Foto: João Muniz/Extra)

 

João Muniz

 

Na última semana, o prefeito de Boa Ventura de São Roque, Edson Hoffmann (PSB), concedeu uma entrevista exclusiva ao jornal Extra Guarapuava, onde  falou sobre os vinte meses de gestão à frente da administração municipal. Aos 43 anos, casado, pais de quatro filhos, ele foi vereador em dois mandatos entre os anos de 2005 a 2012. De acordo com o gestor, neste período, foram conquistados mais de R$ 4,3 milhões em recursos, com aplicação de mais de R$ 1,4 milhão de contrapartida em recursos próprios do município.

“Nesses meses de gestão, tivemos alguns momentos de desânimos e frustrações, atrelados com momentos de importantes conquistas para o município e a população. Nesta semana. teremos o anúncio oficial das obras do Colégio Adonis Morski para consolidar estes 20 meses de mandato”, enalteceu Edson.

 

Boa Ventura de São Roque conta atualmente com uma população de cerca de sete mil habitantes (Foto: Divulgação)

 

O gestor destaca que os recursos conquistados são históricos para Boa Ventura, vindos de parcerias com alguns deputados federais e estaduais, que representam os munícipes tanto no Governo do Estado, como a nível federal. “Estamos ansiosos e otimistas para assinar nos próximos dias os convênios de liberação de recursos para pavimentação asfáltica em ruas do Centro da cidade. Temos muitas obras iniciadas, mas tenho comigo que a maior obra de um município é aquela que está concluída e este será o nosso desafio nos próximos meses”, reiterou, se referindo que muitas vezes, a falta daqueles 50 metros de cascalho numa estrada ou no acesso às propriedades, a pavimentação asfáltica ou até mesmo a construção de uma ponte, causa uma frustração no gestor e na população – obras que significam muito no dia a dia de todos os munícipes.

 

FINANÇAS EM DIA

Edson Hoffmann comentou que a gestão anterior do prefeito Dimas Gralak deixou o município com as finanças e salários em dia e também, o maquinário em ordem. Com isso foi possível iniciar o novo mandato na busca de novos recursos, obras e melhorias para população. Ele também falou da redução do repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), que vem atingindo principalmente as cidades menores no país e no Paraná. “A queda do FPM causa impacto diretamente na folha de pagamento, onde estamos num período em que o índice das remunerações salariais sobem e diminuem as receitas. Isso nos obriga a tomar medidas amargas na contenção de gastos, gerando um desgaste político perante a população, por gerar impactos negativos no comércio e para muitos trabalhadores que prestam serviço à prefeitura”, disse o prefeito.

 

UNIFICAÇÃO DOS CONSÓRCIOS DE SAÚDE E HOSPITAL REGIONAL 

Boa Ventura de São Roque faz parte do Consórcio de Saúde Intermunicipal (CIS), que passará por mudanças nos próximos meses, com a unificação dos três consórcios que compõem os municípios de Guarapuava e cidades da região. “Uma conquista de todos nós gestores e a população, com a diminuição de despesas de transporte e também nas horas extras de motoristas, e com a ação mais importante que será para os pacientes que estarão mais próximos de suas casas, quando necessitarem de atendimento médicos”, comemora.

Questionado sobre a expectativa com os novos governos (Estado e Federal) a partir de 2019, o gestor salientou que está otimista pensando no melhor para a população. “Temos que agradecer aos gestores que cumpriram seu papel de mandatário e torcer para que o novo governador e o presidente da República sejam bem sucedidos nos desafios que teremos pela frente”, frisou.